Rede de Conservação e Restauração da Chapada do Araripe

 

FORMULÁRIO | CRONOGRAMA | NOTÍCIAS

COMO PARTICIPAR?

Para a concretização das ações propostas pelo projeto, é necessária a construção de parcerias. O foco inicial do Projeto é a mobilização de áreas disponíveis para realizar as intervenções de restauração, então, se você tem (ou conhece alguém que possoa) áreas disponíveis e tenha interesse em apoiar ações de restauração, entre em contato conosoco por meio do Formulário (clique aqui). Para as próximas fases do Projeto, vamos divulgar aqui e em nossas redes sociais como se envolver!

(clique na imagem para ter acesso ao Formulário)

 

A indicação de uma área ocorrerá em cinco passos:

Passo 1: Submissão das informações da área a ser disponibilizada via Formulário;
Passo 2: Os dados serão recebidos e analisados pela equipe técnica do Cepan;
Passo 3: Será marcada uma visita em campo para conhecer a área;
Passo 4: Validação das áreas elegíveis;
Passo 5: Assinatura do Termo de Parceria entre o proprietário e o Cepan para as áreas validadas.

DÚVIDAS FREQUENTES

-Quais os benefícios de receber a implantação da restauração em minha área?
Resposta: Com a área restaurada, o(a) beneficiário(a) terá diversos benefícios advindos da recuperação de uma área degradada nas proximidades ou dentro de sua propriedade, como por exemplo uma ampliação de áreas de uso por abelhas, reforço de áreas de polinização, aumento de produtividade de alguns tipos de culturas, possível retorno/melhoria de nascentes de água, melhoria da fertilidade e qualidade do solo. Se o modelo de restauração selecionado incluir também os sistemas agroflorestais, é possível contar com uma produção de alimentos e ração animal, e dependendo das áreas, o uso de produtos florestais madeireiros e não madeireiros, como estacas, frutos, flores, sementes, entre tantos outros! Ainda, o(a) beneficiário(a) pode alocar estas áreas de restauração em áreas legalmente protegidas (lei 12.651/2012), como Áreas de Preservação Permanente e Reservas Legais, e ainda ter parte ou totalidade de seus passivos ambientais legais sanados.

-Há uma área mínima a ser disponibilizada?

Resposta: Não, qualquer área pode ser elegível!

 

-Quais municípios são elegíveis?

Resposta: As ações poderão ser implementadas em: 1) CEARÁ: Abaiara, Araripe, Barbalha, Brejo Santo, Campos Sales, Crato, Jardim, Jati, Missão Velha, Nova Olinda, Penaforte, Porteiras, Potengi, Salitre, Santana do Cariri; 2) PERNAMBUCO: Araripina, Bodocó, Cedro, Exu, Ipubi, Moreilândia, Ouricuri, Serrita, Trindade; 3) PIAUÍ: Simões, Alegrete do Piauí, Caldeirão Grande do Piauí, Curral Novo do Piauí, Fronteiras, Caridade do Piauí, Francisco Macedo, Marcolândia, São Julião.

 

-Enviando as informações da área pelo formulário, é certo que será realizada alguma ação em minha área?

Resposta: Não. Haverá uma análise prévia das informações cedidas, e marcada uma conversa prévia com o(a) proprietário(a) com o objetivo de entender as condições gerais da área e os objetivos da restauração da área.

 

-Eu serei contatado após o envio dos dados sobre a propriedade?

Resposta: Sim. Após análise das informações enviadas, você será contatado(a) por um membro da equipe técnica do projeto para o entendimento de maiores detalhes acerca da área.

 

-Eu preciso pagar ou vou receber algum dinheiro para receber as ações de restauração em minha propriedade?

Resposta: Não é necessário realizar nenhum tipo de pagamento nem será pago nenhum tipo de recurso financeiro diretamente ao proprietário por meio do projeto. É desejável no entanto, o fornecimento de algum tipo de contrapartida por parte do(a) beneficiário(a) durante a implantação dos projetos. Essa contrapartida pode ser negociada caso a caso, e é de acordo com o que o proprietário pode oferecer (mão de obra, maquinário, insumos, etc.).

 

-Quais as obrigações que terei após a implantação da restauração em minha área?

Resposta: O(a) beneficiário(a) do projeto tem a obrigação de zelar pelo plantio, adotando práticas que não venham a prejudicar o desenvolvimento deste. Ainda, é desejável que o(a) beneficiário(a) possa realizar ações de manutenção periódica, orientada pela equipe técnica do projeto, por até 8 meses após o plantio das áreas. Ainda as áreas devem ser abertas à visitação da equipe técnica do projeto e seus patrocinadores e parceiros, sendo sempre respeitado um aviso prévio para estas atividades.

 

 

CRONOGRAMA 

 

Para ter acesso ao cronograma detalhado, clique aqui.

GALERIA

 

NOTÍCIAS

 

BOLETINS MENSAIS

Julho/2022

Agosto/2022

 

MATERIAL PARA DOWNLOAD

Folder

Cartaz

Flyer

CONTATO

Centro de Pesquisas Ambientais do Nordeste – Cepan

Endereço e Telefone 

Av. Montevidéu, 172, salas 1105 e 1106                                

Boa Vista, Recife/PE – CEP:50050-250                             

+55 81 3423.5851 | +55 81 99285.2274                                 

E-mail                                                                                         Redes sociais

cepan@cepan.org.br                                                             Instagram | Facebook

Logo_final_CEPAN

 

 

 

 

CONHEÇA NOSSO APOIADOR FINANCEIRO

Fundo Socioambiental – CAIXA

Projeto apoiado via Acordo de Cooperação Financeira (ACF): nº 217/2022 no valor de R$ 10.042.068,00 ( junho/2022 a junho/2026)

Sites

 www.caixa.gov.br/sustentabilidade/fundo-socioambiental-caixa
www.caixa.gov.br/faleconosco 

Redes Socias
 Instagram | Youtube